A Moda no Mundo das Apostas

As apostas em Portugal são tradicionalmente feitas em casinos. Aliás, sem uma licença é ilegal jogar a dinheiro, mesmo que seja entre um grupo de amigos.

A imagem de um casino remete-nos para o famoso filme de James Bond, “Casino Royale”, que se inspirou no Casino Estoril. Homens de fato e laço ou gravata, mulheres com vestidos de gala, “whisky”, “brandy” ou “cocktail” na mão, ambiente requintado e com o máximo de elegância.img_6733large

Hoje em dia, no entanto, a situação já não é assim tão rígida e, com exceção de alguns eventos pontuais, desde que o apostador se vista com um mínimo de decoro e elegância (nada de ir para o casino com a roupa com que vem da praia!), o estilo mais casual é aceite.

Um pouco por todo o mundo, começam também a aparecer tendências da moda aplicadas a nichos específicos, como os casinos, sendo hoje possível encontrar roupa do género descrito acima, com temas relativos ao jogo. Quer sejam estampagens ou padrões e combinações de cores (alusivos à roleta ou aos naipes dos jogos de cartas), esta moda já existe mas, possivelmente pela questionável apresentação estética, não é a principal opção para o apostador comum, que prefere um bom equilíbrio entre o confortável e o elegante.

Atualmente, no entanto, já não necessita de existir qualquer preocupação com o ir a casa trocar de roupa quando se quer passar umas horas agradáveis a apostar no seu jogo favorito depois de um dia na praia.

Com um simples “smartphone”, um “tablet” ou computador, o apostador moderno só precisa de uma ligação à Internet e de um “site” ou aplicação como a casino app para desfrutar dos prazeres do jogo, onde quer que esteja.

Será que no próximo filme da saga James Bond encontraremos o espião internacional a jogar roleta com o seu “smartphone”, em plena esplanada?…